Projeto Correspondências: Oficina de canto e música

< >

Sobre o Projeto Correspondências (edição n.01)

Uma iniciativa do Laboratório de Design e Antropologia (LaDA), o projeto Correspondências se organiza em torno de oficinas, rodas de conversa e intercâmbio de saberes e conhecimentos entre mestres e artistas indígenas de todo o Brasil e estudantes, pesquisadores e profissionais de design, arte, arquitetura e urbanismo do Rio de Janeiro. Realizado nas instalações da Esdi/UERJ em seu campus na Lapa, o projeto tem por objetivo estabelecer pontes para a troca de saberes e conhecimentos tradicionais e acadêmicos relacionados à composição e construção de imagens, artefatos e ambientes, em uma perspectiva transversal. Através de oficinas em que, de forma coletiva, são experimentadas composições entre diversas práticas de conhecimento por meio das quais estudantes e mestres se engajam em processos de correspondência, compartilhando experiências, linguagens, técnicas, ferramentas, procedimentos e pesquisas. Portanto, um processo de composição coletiva em que os participantes colocam em prática o exercício de correspondência entre saberes, mote do projeto. 

Aos estudantes da Esdi e da UERJ é facultada a participação gratuita nas oficinas, mediante pagamento de taxa de inscrição, respeitando-se a reserva de vagas. Aos demais participantes são sugeridos três valores de contribuição (abundante, ideal e solidário), de acordo com a tabela praticada nos cursos livres oferecidos na Esdi pela Associação de Professores, Ex-Alunos e Amigos da Esdi (AexDI). Aos mestres e artistas, são pagas horas-aula praticadas nos cursos livres acima citados, além de custeio para passagem, alimentação e estadia. 

Em sua primeira edição, o projeto convida o Movimento dos Artistas Huni Kuin, do Acre, que, através do Centro Mahku Independente, vem realizando nos últimos anos uma série de oficinas e laboratórios de arte e percepção, em que combinam diversas linguagens, tais como canto, música, desenho, pintura, bordado e vídeo. Entre os dias 02 e 06 de outubro, estarão conosco na Esdi o idealizador do projeto, Ibã Sales Huni Kuin, e o parceiro do Centro Mahku Independente, professor/pesquisador da Universidade Federal do Acre (Campus Floresta), Amilton Mattos.  

https://goo.gl/5tyu7K