Sinal 575

no mundo

Sai ranking: Uerj está entre as melhores do mundo

Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) aparece entre as mil melhores universidades no ranking divulgado pelo CWUR, ela ocupa a posição  631°  no ranking mundial e subiu 28 posições em relação ao ano passado. No Rio de janeiro ela aparece como a 2ª melhor e a 8ª entre as brasileiras.

ranking completo: https://cwur.org/2019-2020.php

Outros

Estude na França: comece a se preparar no mês de setembro

Daqui a pouco começam as candidaturas para graduação e pós-graduação nas universidades francesas e a equipe do Campus France Brasil já está se preparando para uma temporada agitada de eventos!

E você, já separou e traduziu a sua documentação? Fez o seu teste de proficiência em francês?

Se a resposta foi não e você está precisando de uma ajudinha para se organizar, inscreva-se na nossa newsletter "Candidaturas 2020-2021". Assim, você vai receber lembretes, instruções e dicas por e-mail, em primeira mão.

Caso queira conversar pessoalmente com a nossa equipe, agora é a hora! Em setembro, o Campus France Brasil participa de eventos que acontecerão por todo o país. Marque na sua agenda para não perder:

As melhores escolas de negócios da França

A empresa britânica Quacquarelli Symonds (QS) é conhecida por seus rankings mundiais de universidades e as escolas de negócio francesas sempre estão no topo de suas listas.Conheça as melhores formações em negócios, marketing e finanças em um dos salões da QS, que acontecem em São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro. Saiba mais.

ESSEC Business School em São Paulo

Mais uma oportunidade para os interessados em estudar business na França: no dia 17 de setembro, terça-feira, a representante da ESSEC Business School virá ao escritório do Campus France em São Paulo para apresentar pessoalmente os cursos da escola. As vagas são limitadas e a inscrição deve ser realizada no site.

Campus France no Salão do estudante

Em setembro, o Campus France Brasil participa do Salão do estudante em quatro capitais: São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Belo Horizonte. Confira os horários e endereços.

EduExpo em sete cidades brasileiras

Entre 19 de setembro e 4 de outubro, o Campus France Brasil participa de todos os salões da EduExpo, que acontecem em São Paulo, Campinas, Recife, Brasília, Porto Alegre, Curitiba e Rio de Janeiro. Inscreva-se!

Acompanhe todas as novidades nas redes sociais e site:

Facebook: brasil.campusfrance

Instagram: @campusfrancebrasil

Site: www.brasil.campusfrance.org

 

Memória da UERJ para a celebração dos seus 70 anos

Já pensou na história da Universidade onde você passa maior parte do seu dia? Imagina as inúmeras transformações que passou ao longo do tempo?

A UERJ completa 70 anos de existência em 2020, porém as celebrações começam ainda em 2019, a partir do dia 4 de dezembro, quando se iniciará a comemoração. Para tal, formou-se uma pequena comissão composta por professores de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) e da Faculdade de Formação de Professores (FFP).

As pesquisas e levantamentos históricos contam com a colaboração de professores de História do IFCH – Marcia de Almeida Gonçalves, Rui Aniceto Nascimento Fernandes, Camila Borges e Carlos Eduardo Pinto de Pinto. Um grupo de estudantes também auxilia na pesquisa de acervos da Rede Sirius, da Diretoria de Comunicação (Comuns), do Centro de Tecnologia Educacional (CTE) e da Biblioteca Nacional.

A missão inicial a ser desenvolvida é a apresentação de três produtos: um livro, uma exposição e uma série de vídeos. Por certo, outros desdobramentos dessa comemoração ocorrerão no decorrer de 2020.

A exposição e o vídeo ficarão a cargo do Departamento Cultural (Decult) e CTE, respectivamente. O livro, resultado das pesquisas, será publicado pela Editora da UERJ (EdUERJ), com todo o conteúdo e a documentação levantada sendo organizados e publicados com a ajuda da Comuns e da Diretoria de Informática (Dinfo).

O projeto coordenado pelo Professor Luís Reznik visa promover uma reflexão sobre os 70 anos de história, desde a criação, passando pela construção do campus Maracanã e a expansão para outros campi e unidades externas. O amadurecimento e fortalecimento, que levou a Universidade a se constituir em uma das principais instituições de ensino superior do país também será documentado. O foco do projeto não será restrito apenas à estrutura física; os participantes dessa trajetória – estudantes e servidores docentes e técnico-administrativos –, das mais variadas Unidades e Institutos, poderão divulgar os seus projetos e produtos de ensino, pesquisa e extensão, como forma de reconhecimento.

O resgate dessa memória viva, que transcende as paredes cinzas e os muros dos campi em várias partes do nosso Estado, é importante para pensar a trajetória da Instituição e promover a possibilidade de refletir sobre os caminhos que a trouxe até o presente. “Lembrar a história é certamente refletir sobre as possibilidades e as apostas realizadas no passado. É tirar do silêncio, através de narrativa condensada e organizada, as realizações desta Universidade, e foram muitas e muitos que contribuíram para a ciência e as políticas públicas do país e do Estado do Rio de Janeiro. Por fim, é afirmar para a sociedade em geral que a UERJ está viva e pronta para elaborar novas apostas”, conta Luís Reznik sobre as motivações do projeto.

As sete décadas de existência, de luta e resistência, serão homenageadas pela Comuns que desenvolveu um selo comemorativo, celebrando passado, presente e futuro. A inspiração surgiu de outros selos comemorativos lançados por outras Universidades do Brasil e no mundo. Com o intuito de harmonizar com a identidade visual da Instituição, as cores azul e dourado foram escolhidas.

“O selo comemorativo é importante para criar uma memória visual de uma data tão importante para a Universidade. E dessa forma, todas as ações de comemoração terão como base a identidade visual criada”, afirma Paula Caetano, designer do logotipo que celebra os 70 anos da UERJ e que, por si, já se constitui no primeiro produto idealizado para a comemoração e estará presente nos documentos oficiais da Instituição.

O logotipo comemorativo dos 70 anos da Universidade pode ser baixado aqui. Os modelos de documentos oficiais contendo o logotipo podem ser baixados aqui.

Créditos: Diretoria de Comunicação da UERJ

Link na íntegra: http://www.uerj.br/noticia/projeto-promove-resgate-da-memoria-da-uerj-para-a-celebracao-dos-seus-70-anos/

Nota de pesar

A Escola Superior de Desenho Industrial – ESDI/UERJ, lamenta o falecimento do arquiteto e urbanista Demetre Anastassakis, no dia 27/07, pai da professora e ex-diretora da ESDI, Zoy Anastassakis e de Philippe Leon Anastassakis, ex-aluno da Escola.
O velório está marcado para acontecer na sede do IAB-RJ na próxima quinta feira dia, 01/08, pela manhã.

Demetre Anastassakis deixa um grande legado para arquitetura e urbanismo, principalmente na área de Habitação de Interesse Social no Brasil. As reflexões sobre arquitetura disseminadas nos discursos de Demetre encontram sua total coerência nos muitos e importantes projetos desenvolvidos pelo arquiteto. Seu compromisso com a criação de arquiteturas socialmente justificáveis, influenciou muitas gerações de arquitetos e continua influenciando estudantes, em sua ativa atuação no campo da arquitetura e do urbanismo.
O curso de arquitetura e urbanismo da ESDI/UERJ, iniciado em 2016, teve o privilégio de receber a Aula Inaugural proferida pelo Arquiteto Demetre Anastassakis.

Manifestamos nosso profundo respeito e sentimentos aos familiares, amigos e colegas do Arquiteto Demetre Anastassakis.