--gray-1
--gray-2
--gray-3
--gray-4
--gray-5
--red-1
--red-2
--red-3
--red-4
--red-5
--yellow-1
--yellow-2
--yellow-3
--yellow-4
--yellow-5
--green-1
--green-2
--green-3
--green-4
--green-5
--blue-1
--blue-2
--blue-3
--blue-4
--blue-5
--purple-1
--purple-2
--purple-3
--purple-4
--purple-5

Projetos

442 itens encontrados
a-z crono
Graduação Design

Similares: jogo como auxiliar pedagógico à cidadania

"Similares" é um jogo de tabuleiro paradidático que visa a educar crianças a partir de 4 anos de idade sobre a vida em cidadania. Este trabalho analisa a função e funcionamento de jogos na educação infantil por meio do estudo de teorias e descobrimentos de pesquisadores da área e vê como implementa-los para desenvolver a ideia de cidadania em uma forma compreensível para a faixa etária em questão. Também são usados conhecimentos do design de produto e comunicação para a criação de um produto seguro e compreensível para crianças.

2015
Karina de Oliveira Ribeiro
Graduação Design

Me conta

A comunicação faz parte da vida do homem como ser social. Ao longo de sua existência, a humanidade desenvolveu inúmeras formas de se comunicar, assim como novas mídias inspiradas nessas novas formas. A mensagem, elemento fundamental na comunicação, está em constante transformação devido a diversos fatores, desde os indivíduos envolvidos até os meios, passando pela linguagem, o tempo, a memória, entre muitos outros. Este trabalho visa demonstrar esses processos que fazem parte do caráter transformável da mensagem através de uma exposição que exibe uma série de sequências audio-visuais, resultados de experimentos baseados no jogo de telefone-sem-fio. Tal objetivo pauta-se no pensamento de que o designer é um agenciador de campos heterogêneos, e é capaz, portanto, de unir pensamentos de diferentes áreas em prol de ideias e demonstrações destas. Assume-se, portanto, que o resultado deste projeto não será unicamente prático, mas sim o processo de uma reflexão demonstrada de formas visuais, presenciais e didáticas.

2015
Mariana Alves Monteiro
Graduação Design

Mobiliário infantil em espaços reduzidos: proveitamento de espaço e redução do descarte precoce

Esta monografia desenvolve projetos de produtos relacionados direta ou indiretamente ao setor de mobiliário infantil, a preocupação com o usuário tornou-se primordialmente necessário nesta pesquisa. Neste sentido, este trabalho objetivou estruturar uma linha de produtos para uso no dormitório infantil de dimensão modesta, considerando a valorização e aproveitamento do espaço no âmbito. O desenvolvimento do projeto iniciou-se em março de 2015. Foram realizadas entrevistas com vendedores e compradores de móveis infantis a fim de obter informações e respostas a questões específicas, a fim de que os dados fossem usados à medida que o desenvolvimento seguia de acordo as orientações de melhorias funcionais. Os aspectos de segurança foram priorizados durante todo o processo. Tratando-se de um conjunto de móveis para usuários infanto-juvenis (de 6 a 12 anos), com finalidade de suprir as necessidades dos mesmos, sem comprometer o espaço destinado a atividades do cotidiano.

2015
Marcelo Ribeiro dos Santos
Graduação Design

Lettering manual: individualidade no design gráfico contemporâneo

A partir do meu interesse por ilustração manual, a minha estadia em Londres (2013-2014) e o estudo da tipografia, a ideia da abordagem temática para o meu projeto de formatura se concretizou. Essa simpatia me levou à observação de uma prática comum entre os jovens designers e estudantes que buscam o desenho e técnicas tradicionais como determinantes da sua prática do projeto. Esse desenho de letras, ou "lettering", carrega traços individuais e adiciona personalidade às composições. O produto final é uma série de cadernos que aborda a minha pesquisa e o material desenvolvido com finalidade didática, cujos tópicos são: História e Conceito, Contexto Contemporâneo e Referências, Modelos de Letras e Exercícios Prático. Além do projeto editorial, desenvolvi a identidade visual a partir da própria metodologia proposta.

2015
Mila de Choch Fonseca
Graduação Design

Identidade Carioca: Resgate a História Cultural

O projeto monográfico “Identidade Carioca: resgate a história cultural”, de José Joaquim de Barros desenvolveu um vídeo que faz parte de uma exposição transitante que conta a história da Revolta da Vacina, tendo como base a busca pela cidadania e pelos direitos de autonomia individual. Assim, sobre a reflexão temática da identidade de um povo construído a partir da história de uma determinada sociedade e suas transformações sofridas ao longo do tempo, a ideia foi resgatar a história cultural da cidade do Rio de Janeiro por meio de situações e manifestações em que se buscou cidadania. Portanto, a proposta foi desenvolver um projeto sobre um dos momentos mais tensos e intensos da história do Rio de Janeiro de busca pelos direitos e democracia. Contudo, foi desenvolvido uma seção do que seria uma exposição itinerante destinado a ser apresentada em ruas da cidade sobre a busca pela cidadania popular durante a Revolta da Vacina.

2015
José Joaquim Pinho de Barros
Graduação Design

Desenho industrial e sustentabilidade: sistema de produto para refeições em viagens aéreas de longa distância

O principal objetivo deste relatório é apresentar o desenvolvimento de um novo projeto para sistema de produto no qual são servidas as refeições em voos de longa duração em 2030. Tal projeto visa melhorar a interação do usuário com o mesmo, implementar novas tecnologias, facilitar o dia-a-dia dos comissários, reduzir a geração de resíduos, entre outros, pois equaciona fatores ecológicos, ergonômicos, econômicos, sem esquecer dos tecnológicos, psicológicos e, principalmente, os fatores geométricos. Este relatório conta com um resumo das atividades realizadas. São trazidos para discussão as razões que motivaram e que justificam os objetivos do trabalho, apresentando as técnicas utilizadas e etapas transcorridas ao longo do processo. Além das soluções propostas e da opção adotada.

2015
Danielle Hirsch
Graduação Design

De dentro a experiência é outra

Este projeto tem como principal finalidade desenvolver um novo conceito em relação à experiência da compra de móveis, se desdobrando em um projeto híbrido com três diferentes vertentes. Visa atrair tanto os interessados em design de interiores e arquitetura quanto curiosos, apaixonados por gastronomia, música e artes. Tem como principais características a experiência fundada na integração entre os cinco sentidos e a inovação através da realização de projetos desenvolvidos por estudantes ou recém formados selecionados por editais. Tem como pré-requisito sua instalação em uma casa definida como patrimônio histórico de acordo com a prefeitura local. Tendo conhecimento da falta de eventos com proposta similar ou com distanciamento dos eventos anteriores, foi possível mesclar experiências de diversos setores identificados como concorrentes para o melhor entendimento do serviço. A partir da observação desses setores, foram geradas diversas alternativas até a definição das características propostas pelo evento: integração, inovação e experimentação.

2015
Barbara Rocha Sanches
Graduação Design

Compartilhaê: a plataforma de serviços da favela

O presente projeto, consistiu no desenvolvimento de uma plataforma de serviços voltada para uma comunidade no Rio de Janeiro. A partir de estudos de campo, entrevistas e pesquisas voltadas ao comportamento dos membros da comunidade, surgiu-se a necessidade do desenvolvimento de uma ferramenta com o objetivo de mitigar o acúmulo de lixo de grande porte dentro da comunidade, melhorar as relações pessoais dos moradores e promover o reconhecimento de serviços locais. Para tanto, desenhou-se uma plataforma de serviços online para os moradores, com opções de anunciar e comprar produtos, procurar e cadastrar serviços. Para o desenvolvimento do trabalho foram realizados questionários com os moradores, entrevistas em forma de conversas e uma oficina colaborativa na favela. Foram usados também elementos gráficos para compor o layout, extraídos de formas e cores da comunidade em questão. A plataforma possui uma extensão fixa, presente em alguns pontos mapeados de maior fluxo de pessoas, dentro da favela. Ela atua como canal de reconhecimento e aproximação dos moradores e traz como importante consequência a diminuição do lixo nos pontos de descarte, através da compra e venda de produtos e oferecimento de serviços de dentro da comunidade.

2015
Daniela Capistrano Fonseca
Graduação Design

Projeto de produto: cultivo de hortaliças em ambiente doméstico urbano

O projeto procura desenvolver um sistema que possibilite diversas técnicas de cultivo de hortaliças dentro de um apartamento médio e domiciliar na cidade do Rio de Janeiro. Entre alguns dos objetivos específicos estão, facilitar o cultivo de hortaliças em ambientes domésticos e incentivar o usuário a adotar práticas saudáveis. Para a pesquisa, primeiro foi analisado o local para onde seria aplicado o projeto, ou seja um apartamento domiciliar médio e os cômodos mais adequados para o cultivo de hortaliças neste local. Na etapa seguinte algumas técnicas de cultivo hidropônico como o gotejamento e o NFT(Nutrient Film Technique) foram analisadas para entender qual seria a melhor para se aplicar no projeto e que tecnologias seriam usadas para isso. As peças do produto foram confeccionadas em softwares 3D que possibilitaram a visualização de soluções.

2015
Gabriel Silva Santos
Graduação Design

Etiqueta

O projeto “etiqueta” elaborado pela autora Claudia Pereira Pinto Samico trate-se de uma biblioteca digital online sobre Design da Experiência do usuário, arquitetura de informação e áreas correlacionadas, nessa plataforma os conteúdos estarão dispostos por categorias, o projeto visa atender a necessidade de estudo dos profissionais que estão migrando da área ou aqueles que já possuem experiência mas pretendem se aprofundar em conteúdos específicos dentro da disciplina.

2015
Cláudia Pereira Pinto Samico
Graduação Design

W [uma peça de design conceitual]

O trabalho a seguir trata de um estudo teórico do fetiche como dispositivo de valoração no mercado de bens de consumo estabelecido após a Revolução Industrial e da elaboração de uma peça de design conceitual chamada ‘w’, que se propõem a questionar a exacerbação da importância da mercadoria na sociedade globalizada contemporânea. A parte teórica do projeto trata desde a descrição das origens da palavra ‘fetiche’, as teorias do fetichismo da mercadoria de Karl Marx e do fetichismo sexual de Sigmund Freud até uma análise da evolução de estratégias de venda de ‘objetos de desejo’, com foco no período a partir da segunda metade do século XX. Já a parte prática pode ser descrita como uma provocação: o desenho e a apresentação de um objeto de aparência industrial desprovido de funcionalidade, isto é, uma reunião de formas ambíguas que evoque imagens familiares e as renegue.

2015
Alexandre Silva Cintra
Graduação Design

Na feira

Na Feira é uma plataforma planejada para facilitar o contato e a compra de produtos orgânicos diretamente com o produtor no município do Rio de Janeiro e redondezas.

A primeira parte do documento é uma análise sobre o panorama atual da produção e do consumo de orgânicos no Brasil. A segunda, apresenta o desenvolvimento da plataforma.

2015
Carolina Munemasa Farias
Graduação Design

Santa utopia

O projeto "Santa Utopia" é uma série de intervenções urbanas situadas no bairro de Santa Teresa, Rio de Janeiro, que abordam as questões relacionadas aos problemas de mobilidade urbana no local. A partir da perspectiva do design e do designer como levantador de dados, comunicador e instigador do pensamento através de veículos de informação visuais e sintetizados, o objetivo deste projeto é a partir de 9 matrizes linográficas que ilustram situações vividas pelo moradores coletar informações sobre transporte e mobilidade em Santa Teresa e incentivar discussões e pensamentos sobre o ambiente no qual estamos inseridos.

2015
Ana Vieira Ferreira Franco Netto
Graduação Design

Violência de gênero: recorte - violência contra a mulher com foco em relações abusivas

Projeto midiático que aborda violência de gênero, com recorte na violência contra a mulher, especialmente em relações abusivas no ambiente doméstico. Busco desenvolver um produto que reforce a autoconfiança e a valorização da própria vida nas mulheres que sofrem com esses abusos ou com dificuldades posteriores a eles, como estresse pós-traumático. É importante também que este produto estimule o rompimento do processo de silenciamento para as que ainda se encontram em situações abusivas.

2015
Luana Tavares de Farias
Graduação Design

Canal Co-Inspire

O projeto consistiu na realização de entrevistas com profissionais de formação e carreiras ligados ao design, através do registro em vídeo de conversas com os mesmos.

A pesquisa reuniu informações sobre o mercado de trabalho (pela perspectiva de cada um dos entrevistados), as especificidades da área de atuação destes, informações sobre seus processos de projeto, dentre diversos outros tópicos e questionamentos.

Todo o conteúdo foi compilado em vídeos alocados em um canal do Youtube. A expectativa é que o projeto continue crescendo e ajude na formação de um conhecimento comum sobre o designer nas mais diversas áreas onde este pode estar inserido, servindo para o público em geral e também promovendo o autoconhecimento entre profissionais.

2015
Caio Peçanha Logato
Graduação Design

Ways to Rio: projeto e desenho de siste de produtos de wayfinding coo auxílio à atividade turística no Rio de Janeiro

Este relatório tem como objetivo apresentar o desenvolvimento de um novo projeto para sistema de produtos de navegação urbana, voltados para a cidade do Rio de Janeiro. Nesse sentido, prima-se pela modificação e elevação da qualidade da experiência turística na cidade. Este projeto traz questionamentos sobre a atual relevância turística da cidade no panorama mundial, propondo que novas práticas devem ser adotadas a fim de atrair mais visitantes e garantir que estes tenham uma experiência segura e memorável. Este trabalho visa melhorar a interação do usuário, o turista, com o ambiente da cidade, facilitando sua movimentação no espaço, o seu acesso a atrações turísticas de seu interesse, e a sua sensação de segurança. Busca-se, assim, proporcionar meios que contribuam para uma maior captação de renda pelo setor do turismo. Equacionam-se neste projeto fatores antropológicos, relacionados à observação dos comportamentos dos usuários; filosóficos, de acordo com a ética e a estética apropriadas; e fatores psicológicos, relacionados à percepção dos usuários. Não serão negligenciados, porém, algum outro fator projetual, e.g., ecológicos, econômicos, ergonômicos, psicológicos e tecnológicos.

2015
Ana Paula de Menezes Firmino
Graduação Design

Branding para a casa da indústria criativa: a criatividade como fator de desenvolvimento para o Rio de Janeiro

Apesar da gestão de marcas, ou branding, ser uma atividade relativamente nova, desde os tempos mais remotos a humanidade recorre aos símbolos como recursos de comunicação. Nesse contexto, uma marca forte é responsável por comunicar valores, gerar credibilidade, fidelizar o consumidor e estabelecer uma conexão fundamental para o sucesso de um produto ou serviço. Este trabalho busca compreender melhor o branding, analisando o princípio da atividade humana relacionada às marcas, esclarecendo conceito e observando casos bem-sucedidos pelo mundo. A partir do que foi estudado, desenvolve-se um projeto de Branding para a Casa da Indústria Criativa, um importante empreendimento para o desenvolvimento das atividades criativas no estado do Rio de Janeiro.

2015
Paulo Felipe de Menezes Quintão
Graduação Design

Aqui trem: o universo do comércio ambulante dos trens do Rio de Janeiro

Aqui Trem é um zine que reúne fragmentos de histórias sobre o comércio ambulante dentro dos trens, desenvolvido como projeto de conclusão de graduação na Escola Superior de Desenho Industrial por Marcele Azevedo, sob orientação da professora Zoy Anastassakis. O zine apresenta pequenas narrativas de passageiros e ambulantes que se relacionam, de alguma forma, com a prática dos camelôs nos trens do Rio de Janeiro. Esta compilação de conversas busca registrar, por meio de relatos e imagens, parte deste universo.

2015
Marcele Moreira Azevedo
Graduação Design

Zine Lili: um estudo da relação entre moda e feminismo

Este trabalho tem como objetivo ser um meio de promoção de ideologias feministas que questionem o papel de dominação social da moda, mas que também apresente sua potencialidade como ferramenta de revolução e empoderamento feminino. Para tanto, foi realizado um levantamento histórico sobre a evolução do vestuário da mulher e do movimento feminista nos dois últimos séculos, em conjunto com uma análise do tema na sociedade contemporânea, e um levantamento de questões atuais entre a indústria de moda e a luta pela igualdade de gêneros. A síntese dessa pesquisa deu origem ao conteúdo da fanzine Lili.

2015
Luisa da Rocha Kühner
Graduação Design

Pedras portuguesas: história, técnica e espaço urbano

A pesquisa teve como tema a leitura da paisagem urbana da cidade do Rio de Janeiro, priorizando os aspectos relacionados à identificação da imagem gráfica a partir da análise dos diversos elementos que a compõe e, posteriormente, a seleção de um componente por sua presença, história e expressão gráfica no espaço urbano: as pedras portuguesas.

2015
Breno Assis dos Santos
Graduação Design

Duas Faces do Divino: a expressão da loucura em imagens

Duas Faces do Divino é um projeto editorial resultado de um processo de pesquisa que busca relacionar a arte e sua capacidade de projeção do inconsciente, sendo um meio individualizado que possibilita o bem-estar e a comunicação com pessoas que vivem diversos estados do ser. A partir da imersão na Casa das Palmeiras, instituto que utiliza de práticas expressivas como método de cuidado e reabilitação mental. A autora desenvolve sua tese através da análise simbólica da seleção de imagens desenvolvidas pelos dois artistas Judah e Davi, ambos diagnosticados com esquizofrenia. O livro além de expor as imagens busca ampliar a discussão para além do campo da saúde mental legitimando a prática artística como tratamento terapêutico.

2015
Luana do Rego Barros Medeiros
Graduação Design

A carne é fraca

O TCC concluído por Lucas Marques Lima (A carne é fraca) apresenta o desenvolvimento de um site a fim de conscientizar o leitor sobre os impactos apresentados pelo consumo de produtos de origem animal. A conscientização é feita através de infográficos e ferramentas colaborativas no ambiente digital que visam a troca de dados para que a população como consumidora possa escolher um pensamento mais sustentável. Assim, o autor propaga a ideia de que problemas ambientais, sociais e éticos são diretamente impostos sobre o planeta e nos animais. O documento conta com uma grade apresentada na seguinte sequência: resumo, definições projetuais, pesquisa temática, referências e anexos. Todos os tópicos acompanhados com subseções internas e imagens ilustrando o funcionamento do projeto, além de glossários para algumas palavras técnicas apresentadas nos textos e citações. O TFG é um prato cheio para quem busca o estudo do Webdesign e uma ótima obra para o enriquecimento de ideias e percepções sobre o consumo de produtos de origem animal.

2015
Lucas Marques Lima
Graduação Design

Tipos sobre trilhos: o Rio, os bondes e a herança tipográfica carioca

O presente trabalho tem como objetivo levantar a historiografia de formas de letra que tenham tido importância histórica e cultural no Rio de Janeiro, Brasil. Considerando o desenvolvimento da cidade, o trabalho volta-se para a malha de bondes que a cobriu entre 1868 e 1966 e que teve papel decisivo na sua configuração espacial e social — tanto por suas funções utilitárias quanto por sua importância cultural.

Nesse âmbito, o projeto aborda os sistemas de comunicação que apoiavam os caminhos de ferro urbanos, tais como mapas e placas e especialmente os indicadores de rotas e destinos dos bondes. Estes últimos porque mantiveram um estilo coeso durante 60 anos, apesar de pintados à mão e por apresentarem soluções sofisticadas e engenhosas para o problema da legibilidade em veículos e da ocupação do espaço, ao seguir teorias de legibilidade em voga na época e se utilizar de formas de letra adaptadas especificamente à expansão e compressão horizontal.

A fim de contextualizar os letreiros de bonde cariocas historicamente, mas também nos campos maiores da sinalização de veículos, da legibilidade, do lettering e da tipografia, um levantamento mostra as origens estadunidenses dessas formas de letra, o impacto que os letreiros de bonde tiveram na cultura visual carioca, as características formais dos letreiros que apresentam interesse tipográfico e a relação destes com outros caso de tipos desenvolvidos para a sinalização em veículos.

A partir da descrição e contextualização desse modelo histórico de letreiro carioca de grande importância cultural, é desenvolvida uma família de tipos digitais que reinterpreta as formas de letra dos letreiros de bonde, usando as soluções engenhosas e ingênuas do letristas de bonde, mas adaptando as formas de letra para o funcionamento em contextos contemporâneos de sinalização.

São descritas todas as etapas de produção dos tipos, incluindo o planejamento, desenho espaçamento, kerning e geração de ferramentas programáticas personalizadas, finalmente concluindo com apontamentos para a implementação das soluções formais do século XIX na sinalização do século XXI a partir do uso destes tipos digitais.

2015
Álvaro Franca
Graduação Design

De Novo: Plataforma digital para revitalização e prolongamento da vida útil dos objetos

Esse relatório é resultado do trabalho de conclusão do curso de graduação da Escola Superior de Desenho Industrial que gerou, a partir da metodologia de design de serviço, a ‘De Novo’: proposta de plataforma digital que facilita que as pessoas encontrem e contratem serviços de conserto e revitalização de objetos, prolongando a vida útil de seus bens. Nela, a partir da sinalização do serviço que necessita, o usuário escolhe um dos prestadores cadastrados e aguarda enquanto o processo de retirada, conserto e devolução do objeto acontece.Esse projeto se baseou na ideia de que estamos no limite do que se entende como economia linear. A cultura do descarte precisa chegar ao fim: nosso planeta há décadas dá claros sinais de que não é capaz de suprir o volume de materiais que retiramos dele e de reabsorver tudo que jogamos fora. O design foi fundamental na construção da nossa atual cultura material e agora pode ser uma ferramenta determinante para repensarmos nossos modelos de consumo em direção a uma economia circular.A ‘De Novo’ busca atuar dentro desse raciocínio ao valorizar e tentar reerguer atividades como consertar e dar nova vida aos objetos, que cada vez menos são atividades sedimentadas como hábito e desejadas pelas pessoas.

2015
Heitor Varvaki Prazeres
1... 3 4 5 6 7... 19